Direitos fundamentais de crianças indígenas

Foi aprovado na noite de hoje, um Projeto polêmico que dispõe sobre o combate as práticas tradicionais nocivas e à proteção dos direitos fundamentais de crianças indígenas, bem como pertencentes a outras sociedades ditas não tradicionais.

Foi aprovado na noite de hoje, um Projeto polêmico que dispõe sobre o combate as práticas tradicionais nocivas e à proteção dos direitos fundamentais de crianças indígenas, bem como pertencentes a outras sociedades ditas não tradicionais.
Esse projeto visa banir de nossa sociedade, práticas consideradas “normais” mas que, a luz da civilização cristã ocidental ofendem os princípios da dignidade do ser humano, como por exemplo: sacrifício de crianças indígenas que nascem defeituosas.

“Não podemos de maneira alguma compactuar com esse tipo de atrocidade cometida contra um ser indefeso. Somos todos filho do Criador e a Ele pertence a vida”.